Arcebispo convoca missa em homenagem a padre condenado por abuso sexual

Operamundi
A Igreja Católica da cidade de Santa Fe, na Argentina, homenageará com honras no próximo domingo (26/02) um bispo morto na última segunda-feira (20/02) e condenado por assediar sexualmente jovens seminaristas.
Reprodução/CosechaRoja
A missa em louvor ao monsenhor Edgardo Storni, que cumpria prisão domiciliar pelo abuso de 47 adolescentes foi idealizada por José María Arancedo, atual arcebispo da cidade, que disponibilizará a igreja central da cidade para o evento
Storni foi condenado em 2009 pela Justiça argentina a oito anos de prisão por assédios que praticou no início da década de 1990. As denúncias partiram de um estudante do Seminário Metropolitano de Santa Fe, aonde o religioso lecionava.
O caso tornou-se público em 1994, quando o Vaticano ordenou que o atual arcebispo de Mendoza, José María Arancibia, investigasse as denúncias dos supostos abusos sexuais. Naquele mesmo ano, diversas lideranças políticas redigiriam uma carta de apoio à decisão do clero.
Em 2002, o escândalo ganharia ainda mais repercussão com o lançamento do livro Nuestra Santa Madre, uma investigação conduzida pela jornalista Olga Wornat, que dedica um extenso capítulo ao caso.
Share on Google Plus

Editor Luiz Sergio Castro

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome

E-mail *

Mensagem *