Yoani Sánchez quer vir ao Brasil

Folha.com
A dissidente cubana Yoani Sánchez (foto) publicou um vídeo on-line pedindo ajuda à presidente Dilma Rousseff para vir ao Brasil. É sua quinta tentativa de viajar ao país.

No vídeo, divulgado pelo site "R7", ela diz ser impedida pelo governo de sair de Cuba.

"Gostaria de apelar ao conhecimento histórico e pessoal que [Dilma] tem de algo parecido com o que eu estou vivendo", afirma.

Ela foi convidada a participar do lançamento de um documentário na Bahia. Yoani é personagem do filme, que trata sobre liberdade de imprensa em Cuba e Honduras.
Escrevendo em um blog a partir de Havana, Yoani se tornou uma das principais vozes críticas ao governo de Cuba.

Desde 2004, ela não pode deixar o país. Leis de imigração exigem que cubanos recebam permissão do governo para viajar ao exterior.
Share on Google Plus

Editor Luiz Sergio Castro