A Maçonaria Catarinense deflagrou mobilização contra a corrupção

A Maçonaria Catarinense deflagrou intensa mobilização contra a corrupção e a impunidade, decidindo participar da marcha que ocorre na Capital no próximo dia 15 de novembro.

O protesto é em apoio ao movimento "O que você tem a ver com a corrupção" e ocorrerá na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) - Campus da Trindade. Nesta data, todas as Lojas filiadas às três potências maçônicas existentes no estado deverão organizar atividades com este objetivo.

"Pela Ficha Limpa Já", "Diga não à corrupção", "Saúde, Segurança e Educação - Chega de corrupção", "Corrupção e impunidade: Tô fora", "Pela dignidade. Chega de impunidade", "Você aí parado está sendo roubado" e "Corrupção: quem paga a conta é você". Com estes slogans, a Maçonaria vai estar presente ao ato do próximo dia 15/11, com a expectativa que alcance grande repercussão e que seja capaz de mobilizar a sociedade para o exercício da cidadania.

O Grande Oriente de Santa Catarina (GOSC), Grande Oriente do Brasil Santa Catarina (GOB-SC) e a Grande Loja de Santa Catarina (GLSC) convocam todos os Maçons catarinenses para que se organizem nas suas regiões para o ato do dia 15 de novembro, terça-feira, e que manifestem nesta data um uníssono NÃO À CORRUPÇÃO E À IMPUNIDADE.
Share on Google Plus

Editor Luiz Sergio Castro